Agora que Sinto Amor – Alberto Caeiro (Fernando Pessoa)

 

Agora que sinto amor

Tenho interesse no que cheira.

Nunca antes me interessou que uma flor tivesse cheiro.

Agora sinto o perfume das flores como se visse uma coisa nova.

Sei bem que elas cheiravam, como sei que existia.

São coisas que se sabem por fora.

Mas agora sei com a respiração da parte de trás da cabeça.

Hoje as flores sabem-me bem num paladar que se cheira.

Hoje às vezes acordo e cheiro antes de ver.

 

 

Now That I Feel Love – Alberto Caeiro (Fernando Pessoa)

 

Now that I feel love

I’m interested in the smell of things.

Never before was I interested in whether a flower smelled.

Now I feel the flowers’ scent as if I were seeing something new.

I know they used to have that scent, just as I know I used to exist.

Things known from outside.

But now I see with a breath from the back of my head.

Now the flowers taste good on my scenting palate.

Now I sometimes wake to scent before sight.